A Intermediação de Maria Mãe dos Homens
para nos levar ao Cordeiro de Deus

'O ROSÁRIO É A VIDA DE CRISTO CONTEMPLADA COM O OLHAR DE MARIA'
"
Maria é aquela que nos acompanha na escuridão da noite até o clarear do novo dia”

  O Primeiro - o número 1  na Internet.- clique aqui
 Criado em 30 de março de 2005

Não confundir o site do Terço dos Homens : www.tercodoshomens.com.br
com o
www.tercodoshomens.org.br que é o mesmo 
www.tercodoshomensmaerainha.org.br

Este site apresenta, com exclusividade, o Terço dos Homens rezado nas suas origens pelo primeiro tesoureiro,  
um dos fundadores do grupo. Sr. Manoel Pedral, falecido à mais de 40 anos -
ouçam


83 ANOS DE GRAÇAS E BÊNÇÃOS no Brasil e no mundo

Perdão sem limites

PÁGINA INICIAL

                                                           Pe. Geraldo Della Costa
13/09/20

Uma atitude muito difícil na vida de uma pessoa, de uma família e também de uma Comunidade é o Perdão.

- O que a Bíblia nos diz a respeito?

No Antigo Testamento, há um aperfeiçoamento sobre o sentido do Perdão:

- inicialmente a vingança era aceita: como método para compensar as injustiças recebidas e desencorajar a alguém a repeti-las.
- posteriormente, a "Lei do Talião" visou limitar a vingança...
 
Só podia ser proporcional à ofensa recebida: "dente por dente..."

+ A 1ª Leitura de hoje é um apelo para superar a lógica dessa lei e adotar sentimentos de misericórdia e de Perdão. (Eclo. 27, 33-29, 9)

- Estabelece uma relação clara entre o perdão de Deus e o perdão humano.

Quem não perdoa o irmão, não poderá exigir o perdão de Deus.

- Ademais o pensamento da morte relativiza o agravo e nos faz pensar diferente.
- E a felicidade do homem não está em cultivar sentimentos de ódio e de rancor, mas sim em cultivar sentimentos de perdão e misericórdia.

+ O Salmo nos mostra o Exemplo de Deus: "o Senhor é bondoso e compassivo... ele perdoa toda culpa..." (Sl. 102)

Na 2ª Leitura, Paulo afirma que a Comunidade cristã deve ser o lugar do amor, do respeito pelo outro, da aceitação das diferenças, do perdão. (Rm. 14, 7-9)
Permanecer unidos no essencial e desprezar o secundário que nos divide.

+ No Evangelho, Jesus revela um caminho de Reconciliação. (Mt. 18, 21-35)

Continua o 4º Discurso de Jesus (como viver na comunidade): já vimos a Correção Fraterna; Hoje veremos o Perdão Fraterno.

+ Pedro consulta Jesus sobre os "limites do perdão": "quantas vezes devemos perdoar"?
 
Segundo a Tradição: 2, 3 ou 4 vezes no máximo... Pedro propõe até sete.

- Jesus responde: "70 x 7", isto é, Sempre e Todos, "um perdão sem limites", inclusive aos inimigos que os judeus não incluíam.

O perdão não deve ficar na Quantidade, mas na Qualidade, "de coração".

+ Jesus ilustra o seu pensamento, com uma Parábola:

- Um Empregado devia uma fortuna imensa e, por compaixão, foi perdoado.
- Em seguida, ele, sem compaixão, se recusa a perdoar um companheiro que lhe devia uma quantia irrisória: "paga-me o que me deves".

- O Rei indignado o castiga severamente...

+ E Jesus conclui dizendo: "assim agirá meu Pai com quem não perdoar seu irmão de todo o coração..."

* A Parábola é uma Catequese Sobre a Misericórdia de Deus.

Mostra como, na perspectiva de Deus, o perdão é "sem limites", total e absoluto.
Depois convida-nos a analisar as nossas atitudes para com os irmãos que erram.

+ O testemunho de Jesus: - "amar até os inimigos..."

- No Pai Nosso: "perdoai... como perdoamos..."
- "Bem-aventurados os misericordiosos, porque alcançarão misericórdia".
- "Se estiveres diante do altar... vá antes te reconciliar..."
- No Filho Pródigo: o Pai misericordioso que perdoa com alegria...
- Na Cruz: "Pai, perdoai-lhes, porque não sabem o que fazem..." (desculpa...)

+ Motivos para perdoar:

- Deus nos perdoa, na mesma medida com que nós perdoamos...
- O amor é o distintivo do Cristão... e às vezes o amor só é possível através do Perdão...
. Quantos casais se desfazem por falta de perdão...
. Quantos filhos abandonam a família por falta de perdão...
. Quantas pessoas deixam a comunidade por falta de perdão e acolhida.
- O Perdão ajuda a romper o círculo vicioso do ódio e da vingança.

+ O que significa perdoar?

- Não é apenas não se vingar ou "ceder" sempre aos que nos ofendem...
 
É estar sempre disposto a ir ao encontro, a estender a mão, a recomeçar o diálogo, a dar outra oportunidade.

+ E Nós como é que perdoamos?

- Como Pedro, contamos quantas vezes? Uma vez sim, duas não...
- "Perdôo, mas não esqueço... não falo... não o visito mais..."
* Será esse o perdão generoso, "de coração", esperado por Deus?

- Na Parábola, o servo que não perdoou foi para a prisão...

A falta de perdão tem conseqüências pesadas para quem não perdoa...
Costuma provocar uma vida azeda e estressante...
Só o perdão alivia e restitui a alegria... é a chamada "terapia do perdão".

+ Qual é a nossa atitude diante do perdão?

- Temos humildade para pedir o perdão?
- Demonstramos alegria e gratidão diante de um perdão recebido?
- Somos generosos em oferecer o nosso perdão?

Sabemos que é difícil perdoar. Contudo, vale a pena não desistir.
Quem faz a experiência do perdão de Deus e envolve-se numa lógica de misericórdia, deixa-se transformar por ele e assume com os irmãos uma atitude diferente, uma atitude marcada pela bondade, pela compreensão, pela misericórdia, pelo acolhimento, pelo Amor.

Amando e perdoando, abriremos espaço para um mundo melhor acontecer...

 O Terço (Rosário) dos Homens não exige nada e não cobra nada da vida pessoal dos seus participantes, o que faz com que seus membros se sintam livres, e a liberdade dá ao homem o poder de ser aquilo que ele deseja ser, daí as transformações se sucederem de modo espontâneo causado pelo contato que os mesmos passam a ter com Deus por intercessão de Maria.