A Intermediação de Maria Mãe dos Homens
para nos levar ao Cordeiro de Deus

'O ROSÁRIO É A VIDA DE CRISTO CONTEMPLADA COM O OLHAR DE MARIA'
"
Maria é aquela que nos acompanha na escuridão da noite até o clarear do novo dia”

  O Primeiro - o número 1  na Internet.- clique aqui
Criado em 30 de março de 2005

Não confundir o site do Terço dos Homens : www.tercodoshomens.com.br
com o
www.tercodoshomens.org.br que é o mesmo 
www.tercodoshomensmaerainha.org.br

Este site apresenta, com exclusividade, o Terço dos Homens rezado nas suas origens pelo primeiro tesoureiro,  
um dos fundadores do grupo. Sr. Manoel Pedral, falecido à mais de 37 anos -
ouçam


84 ANOS DE GRAÇAS E BÊNÇÃOS no Brasil e no mundo

Reflexão recebida do site: www.buscantonovasaguas.com.br

PÁGINA INICIAL

10/01/2021 - Batismo de Jesus

Pe. Antônio Geraldo Dalla Costa

Depois das festas de Natal, a Liturgia nos apresenta o início da atividade pública de Jesus, com o Batismo de Jesus no rio Jordão.

As Leituras falam de um Plano salvador de Deus:

A 1ª Leitura anuncia um misterioso "Servo", escolhido por Deus e enviado aos homens para instaurar um mundo de justiça e de paz sem fim… Investido do Espírito de Deus, ele concretizará essa missão. (Is. 42, 1-4. 6-7)

Essa figura misteriosa do "Servo" evidencia a figura de Jesus…
Ele é esse "eleito de Deus", que recebeu a plenitude do Espírito, que veio ao encontro dos homens com a missão de trazer a justiça e a paz, que sofreu e morreu para ser fiel a essa missão que o Pai lhe confiou.

Na 2ª Leitura, Pedro resume a ação messiânica de Cristo e acrescenta que tudo começou na Galiléia, quando João batizava no Jordão. (At. 10, 34-38)

O anúncio proclamado por Pedro é uma catequese ("Querigma"), um resumo do Evangelho de Marcos e serve de modelo para o anúncio cristão.
Convocado pelo Espírito, Pedro entra em casa de Cornélio, expõe uma breve síntese da vida de Jesus e batiza ele e toda a sua família.
É o primeiro pagão a ser admitido ao cristianismo por um dos Doze: significa que a vida nova que nasce de Jesus se destina a todos os homens

O Evangelho apresenta a concretização da promessa profética, no Batismo de Jesus no Rio Jordão. (Mc. 1, 7-11)

É o início do Evangelho de Marcos, que meditaremos nesse ano.
O primeiro episódio, que ele narra, é o Batismo de Jesus.
Marcos desejava mostrar aos que se preparavam ao Batismo, quem é Jesus e qual a sua Missão.
O texto narra o testemunho de João e o testemunho do próprio Deus.

Jesus é o Servo enviado por Deus, sobre quem repousa o Espírito e cuja missão é realizar a libertação dos homens.
Como Moisés, ao sair das águas do Mar Vermelho, recebeu a força divina para guiar os israelitas através do deserto, até a terra Prometida, assim Jesus ao sair da água também recebe o Espírito e, junto com todos os homens pecadores, começa a caminhada em direção à Liberdade.

O Batismo de João é um rito de iniciação à comunidade messiânica: so batizados os que decidem renunciar ao pecado, mudar de vida e preparar-se para a vinda do Messias.

- Por que Jesus quis ser batizado por João, se ele não precisava?

Jesus quis solidarizar-se com o homem pecador, identificar-se com ele e com ele iniciar a caminhada que conduz à Liberdade.

Imagens revelam quem é Jesus:

- "Os céus se abriram": Cristo reconcilia o céu e a terra, Deus e os homens; Deus põe fim ao longo silêncio dos profetas e se aproxima do povo.
- A "Pomba": lembra a pomba mensageira de vida e de paz, que pousou sobre a Arca de Noé.
- "A Voz do céu" apresenta e confirma o "Servo" fiel e predileto de Deus. Deus dá a Jesus a investidura como Messias...
- Um novo Josué: Josué, depois de atravessar o Jordão, recebe o Espírito de Deus para conduzir o Povo para a Terra Prometida.

Jesus recebe o Batismo no Rio Jordão e recebe o Espírito ao sair das águas para conduzir os homens à liberdade.

O Prefácio fala de um Novo Batismo:

"Hoje, nas águas do Jordão, revelastes o novo Batismo com sinais admiráveis.
Pela Voz descida do céu, ensinastes que o novo Verbo habita entre os homens.
E pelo Espírito Santo, aparecendo em forma de Pomba, fizestes saber que o vosso Servo Jesus foi ungido com o óleo da alegria e enviado para evangelizar os pobres"
. (Prefácio)

O nosso Batismo:

- O Batismo de Jesus é momento favorável para pensar e refletir sobre o nosso Batismo e nossos compromissos cristãos.
- A Palavra de Deus de hoje convida todos os batizados a iniciar a caminhada com Jesus.
- O Batismo é o primeiro Sacramento que recebemos.
- O Batismo nos imergiu com Jesus numa vida totalmente nova. Devemos redescobrir a grandeza e a exigência da vocação batismal.
- O Batismo nos foi dado em nome de Cristo. Com ele, começamos a viver em comunhão com Deus, entramos na comunidade e começamos a fazer parte da Igreja.

É um novo nascimento; uma passagem da solidariedade no pecado à solidariedade no amor; das trevas e solidão ao mundo novo da fraternidade.

Hoje, nas comunidades cristãs, apresenta-se a Vida cristã como "viver seu batismo"; e se manifesta nos adultos a necessidade de percorrer de novo os caminho do próprio Batismo, através de um catecumenato feito de uma experiência comunitária e sério conhecimento da Escritura.

O que importa não é marcar a data do batismo, mas percorrer um caminho de fé.
O Batismo não deve ser apenas um rito celebrado no passado, mas uma realidade que procuro viver hoje todos os dias!...

 O Terço (Rosário) dos Homens não exige nada e não cobra nada da vida pessoal dos seus participantes, o que faz com que seus membros se sintam livres, e a liberdade dá ao homem o poder de ser aquilo que ele deseja ser, daí as transformações se sucederem de modo espontâneo causado pelo contato que os mesmos passam a ter com Deus por intercessão de Maria.